domingo, 16 de março de 2014

Artigo do Jornal Expresso Ilustrado - 14 de março de 2014 - Arte - por Giovani Pasini

Arte


Algumas pessoas querem conquistar o mundo! Ter poder, fama e dinheiro; outras querem apenas saber fazer um bom desenho. Desde as primeiras lembranças que tenho da infância, sempre tentei desenvolver alguma arte. O primeiro grande sonho, normal entre os jovens, era me tornar cantor. O detalhe, naquele ensino fundamental do colégio Apolinário, é que eu não conseguia falar o “L” e nem o “R”. Possuía aquele defeito de dicção que você não diz “cara”, mas “caga”. A decepção ocorreu quando gravei, em fitas cassetes, a minha voz: “Das roupas veguias do pai, queguia que a mãe fizesse, uma maga de gagupa...”. Não precisa dizer que abandonei a tentativa frustrada. Pior ainda, eu sentia um terror quando a professora mandava ler. Na fala com amigos, eu substituía as palavras. Por exemplo, não dizia: - Você é louco! - modificava para “- Você é doido!”. Posteriormente, na adolescência, resolvi ser desenhista. A vontade surgiu quando aprendi a jogar RPG, uma diversão que tinhas personagens e imaginação. Desenhei, desenhei, desenhei... Sem curso algum, e mesmo sem ter o dom. Essa pretensão artística encerrou quando migrei para a Academia Militar; estava aberta, naquela época, a temporada de sobrevivência escolar para o Cadete que não tinha base estudo, que era imaturo com as suas coisas. O tempo na Academia Militar, apesar de muito difícil, está no rol de belas lembranças. Lá, num convênio com o Círculo Militar, participei de algumas aulas de pintura a óleo. Não demorei muito para perceber que também não tinha queda alguma para aquilo. Entretanto, a escrita, desde os primeiros poemas nunca publicados, é uma arte que me acompanha há bastante tempo. Encontrei, no fundo do baú, o poema “Para me livrar”, escrito no dia 14 de março de 1989, quando eu completava 14 anos. O sonho de saber produzir uma boa literatura já perdura por mais de 25 anos. Dessa arte, ainda não desisti.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por deixar o seu comentário neste blog.
Agradeço o tempo investido nesta comunicação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...